sexta-feira, 30 de setembro de 2011

OI e BB lançam cartão e pagamento via celular

O Banco do Brasil (BB) e a Oi lançaram o cartão de crédito Oi, que poderá ser utilizado como cartão tradicional - inicialmente com a bandeira Mastercard - ou via celular. Segundo as empresas, a função de pagamento com celular estará disponível nas máquinas da Cielo e utilizará a plataforma da Paggo.

O cartão será vendido para toda a base de clientes da operadora e emitido pelo BB, que ficará responsável também pela análise e concessão do crédito e pelo pós-venda do produto. Este é o primeiro produto lançado pela parceria que prevê também o lançamento de outro produto: o cartão pré-pago. Este produto será ofertado à base de clientes Oi que não têm acesso a cartões de crédito ou débito, nem possuem conta corrente (a Oi estima que em sua base exista em torno de 15 milhões de clientes não bancarizados). Esta iniciativa objetiva popularizar o acesso a serviços financeiros a uma maior parcela da população no País.

Celular

A partir de outubro, o pagamento com celular na máquina da Cielo estará disponível para os portadores do cartão Oi. A operação começa na região Nordeste. Os estabelecimentos comerciais, clientes da Cielo, de Pernambuco, Rio Grande do Norte, Alagoas, Paraíba, Bahia e Ceará serão os primeiros a experimentar a nova forma de capturar transações. A partir de janeiro de 2012, a operação será expandida para todo o território nacional, segundo as empresas.

Em setembro de 2010, a Cielo e a Oi firmaram uma joint venture (associação) direcionada ao desenvolvimento da aceitação de pagamentos com celular no Brasil: a Paggo Soluções. Esta sociedade permitirá a aceitação do pagamento com celular na rede da Cielo e expandirá a aceitação de meios de pagamento eletrônico como complemento as suas diversas soluções de pagamento.

Segundo as empresas, a tecnologia da Paggo é segura: o pagamento só é liberado após autorização do cliente, através de uma senha pessoal. A senha e as mensagens SMS não ficam armazenadas no celular nem na máquina da Cielo. Para fazer o pagamento, basta que o usuário informe o número do celular para o lojista digitá-lo na máquina da Cielo e autorize a compra via SMS. O BB e a Oi firmaram parceria, em setembro de 2010, para emissão de cartões co-branded e pré-pagos, no formato tradicional e baseado na tecnologia mobile payment da Paggo.


AE

Seguridade aprova salário mínimo como base para multas do ECA

A Comissão de Seguridade Social e Família aprovou na quarta-feira (28) o Projeto de Lei 7872/10, da Comissão de Legislação Participativa, que estabelece o salário mínimo como base de cálculo para multas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA, Lei 8.069/90). Atualmente, as multas são caculadas com base no salário de referência.

A relatora do projeto, deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ), explica que o ECA já nasceu defasado no que se refere à sistemática de aplicação de multas. A deputada explica que a Lei 7.789/89 extinguiu o salário mínimo de referência e o piso nacional de salário, restando apenas o salário mínimo.

A proposta foi originada por uma sugestão da Associação Paulista do Ministério Público. Segundo a associação, essa diferença causa divergência judicial na aplicação de multas.

Tramitação
A proposta ainda será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania e pelo Plenário.
Fonte: Agência Câmara

Estado terá que recalcular verbas em aposentadoria de professora

O Estado não conseguiu provar que uma professora aposentada não tinha direito ao pagamento de diferenças remuneratórias e, com base no artigo 333 do Código de Processo Civil, a 2ª Câmara Cível do TJRN não deu provimento ao recurso movido pelo Ente Público (Apelação Cível n° 2010.015951-7).

A decisão do TJRN manteve a sentença inicial a qual determinou que o Estado recalcule a aposentadoria, incidindo a referência "G" nos vencimentos e demais vantagens, a partir de fevereiro de 2005, bem como reimplantando os novos valores.

Os desembargadores destacaram que a aposentada demonstrou ter direito ao recálculo, ao juntar aos autos cópia da Resolução Administrativa nº 19, publicada no DOE de 13 de janeiro de 2005, onde ficou reconhecido, administrativamente, o direito ao avanço de seus proventos diante da retificação do ato de aposentadoria, que, por sua vez, se deu por meio da Resolução Administrativa nº 2.274, de 30 de novembro de 2006.

A decisão também destacou que, embora as fichas financeiras do Estado utilizar a referência "G", os valores das verbas pagas a servidora aposentada não correspondem a essa referência.
DN online/ TJRN

Dilma libera R$ 1,95 bilhão para estados e municípios estimularem exportações

A presidenta Dilma Rousseff autorizou a liberação de R$ 1,95 bilhão para os estados, o Distrito Federal e os municípios. O objetivo é estimular e incentivar as exportações no país. A decisão está contida na Medida Provisória (MP) 546, publicada no Diário Oficial da União de hoje (30), seção 1 página 6.

Os recursos serão repassados pelo Tesouro Nacional e o Ministério da Fazenda em três parcelas de R$ 650 milhões até o último dia útil dos meses de outubro, novembro e dezembro. Do total, os estados ficarão com 75% e os 25% restantes serão repassados aos municípios.

O texto estabelece ainda que o Ministério da Fazenda poderá definir regras de prestação de informação pelos estados e pelo Distrito Federal sobre a manutenção e o aproveitamento de crédito pelos exportadores.

Pelo decreto, a divisão do dinheiro para os municípios seguirá os critérios de participação na distribuição da parcela do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) com os respectivos estados ao longo deste ano. Os recursos serão entregues uma vez por mês até dezembro, por meio de crédito em moeda corrente depositado em conta bancária.

A decisão da presidenta ocorre no momento em que ela destaca sua preocupação com os impactos da crise econômica internacional no Brasil. Segundo Dilma, não há país imune aos efeitos da crise, mas o governo brasileiro se empenha para evitar prejuízos.

Um dos esforços, de acordo com a presidenta, é o estímulo à indústria nacional, a com geração de emprego e renda. Para ela, os estrangeiros que quiserem investir no Brasil terão apoio desde que garantam a abertura de novas vagas de trabalho e geração de renda no país.

Fonte: Agência Brasil


Brasil envia navio para as forças de paz no Líbano

O Ministério das Relações Exteriores confirmou que, depois da aprovação pelo Congresso, o governo brasileiro prepara o envio de um navio da Marinha para reforçar o componente marítimo da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (Unifil). O navio deve seguir para o Líbano no próximo dia 4. A embarcação integrará uma frota formada por três navios da Alemanha, dois de Bangladesh, um da Grécia, um da Indonésia e um da Turquia.

A esquadra faz parte das missões de paz da Organização das Nações Unidas (ONU). Cerca de 300 tripulantes brasileiros fazem parte dessa missão. Para o Brasil, a iniciativa faz parte do compromisso de promoção da paz no Oriente Médio, segundo mensagem enviada pela presidenta Dilma Rousseff e os ministros da Defesa, Celso Amorim, e das Relações Exteriores, Antonio Patriota.

A Unifil conta atualmente com 11.746 militares, 351 funcionários civis internacionais e 656 nacionais. Desde fevereiro deste ano, os brasileiros integram essas forças de paz com oito militares – quatro oficiais e quatro praças. Há sete meses, o contra-almirante Luiz Henrique Caroli está no comando da Força-Tarefa Marítima da unidade da Unifil (formada por 800 militares).

Em 1978, a Unifil foi criada pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas com o mandato inicial destinado a supervisionar a retirada das tropas israelenses do território do Líbano. Após a crise de 2006, o conselho reforçou a missão, ao acrescentar o monitoramento dos esforços para o fim de hostilidades entre as partes envolvidas.

A Unifil também deve garantir o acesso da ajuda humanitária à população. Paralelamente, foi criada a Força-Tarefa Marítima como parte da missão que se destina a monitorar o tráfego na região da costa libanesa para fiscalizar o cumprimento do embargo de armas aplicado ao Líbano, assim como treinar os militares da Marinha.
Fonte: Agência Brasil

Escolhida atriz que viverá Marina Silva no cinema

A atriz Lucy Ramos, que trabalhou recentemente na novela "Cordel Encantado", da Rede Globo, vai interpretar a ex-senadora e ex-candidata a presidente Marina Silva. Ela foi escolhida para viver o papel prinicipal em filme baseado no livro "Marina - A vida por uma causa", da escritora Marília de Camargo César.

Com direção de Sandra Werneck ("Cazuza - O Tempo Não Pára", "Pequeno Dicionário Amoroso", "Amores Possíveis"), o longa contará a trajetória da líder ambientalista, desde o trabalho nos seringais do Acre até a candidatura dela à Presidência da República em 2010, quando conquistou 20 milhões de votos no primeiro turno.

Segundo a produção do filme, Lucy foi escolhida por ter um jeito parecido com o da a ex-senadora. Ela fez testes para o papel e desbancou outras atrizes cotadas para o papel, entre elas Dira Paes e Vanessa Diácomo. A previsão é de que as filmagens tenha início em maio do ano que vem, com previsão de lançamento para 2013.
Uai

ENTRE PAUSAS



Eu queria poder responder.
Responder a quê e por quê?
Acho que estou querendo esconder;
Acho que estou fingindo! Ou fugindo?
Tornei-me um cara meio que tímido
Ante algo tão límpido!
Mas farei tudo para que essa timidez
Se acabe logo de uma vez!
Estou meio sem jeito. Bem feito!
Pensei saber um pouco de tudo,
Mas como saber se me vejo mudo?
Confesso que nunca fiquei assim.
São perguntas que faço a mim:
“Qual será o transporte do meu destino”?
Pareço um menino! Rolo... Brinco...
Estou rindo de mim mesmo!
Ansioso... Será esta música
Que me embala? Fico a escutá-la!
Fico querendo interpretá-la!
Fico querendo analisá-la!
Mas, logo esqueço tudo,
Razão talvez de estar mudo!
Será mesmo esse o porquê
De não saber mais lhe responder?
Do meu silêncio sem resposta
Está a pausa que você gosta!

Gilberto Costa

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Ministra faz declaração polêmica sobre propaganda de Gisele Bündchen

Desde que foi ao ar pela primeira vez, no dia 20 de setembro, uma propaganda de lingerie estrelada pela modelo brasileira Gisele Bündchen está provocando polêmica. A Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM) já recebeu seis reclamações contra a peça publicitária da empresa Hope. No filme, Gisele ensina como convencer um homem a atender aos desejos da mulher. E os resultados são melhores quando ela aparece vestida apenas de calcinha e sutiã elogiando o "charme da mulher brasileira".

Segundo a secretaria, as queixas são de que a propaganda reforça o estereótipo da mulher como objeto sexual e ignora as conquistas da sociedade contra o sexismo (discriminação baseada no sexo). Por isso, o comercial da Hope estaria infringindo os artigos 1° e 5° da Constituição Federal que tratam da dignidade da pessoa humana e da igualdade perante a lei, respectivamente.

A ministra-chefe da secretaria, Iriny Lopes, enviou um ofício para a Hope e uma representação ao Conselho de Autorregulamentação Publicitária (Conar) para que a propaganda seja suspensa.

A Hope informou que a propaganda teve o objetivo de mostrar, de forma bem-humorada, que a sensualidade natural da mulher brasileira pode ser uma arma eficaz na hora de dar uma má notícia. E ressalta que seria absurdo a empresa, que vive da preferência das mulheres, tomar qualquer atitude depreciativa em relação às próprias clientes.

O Conar informou que ainda não recebeu nenhuma denúncia da secretaria e, por isso, não comentou o assunto.
Uai

Funcionários se negam a abrir banco na Paraíba após dois assaltos

Um mês depois de sofrer o segundo assalto do ano, a agência do Banco do Brasil de Taperoá, município paraibano da região da Borborema, continua de portas fechadas. Depois de terem sido feitos reféns com armas apontadas para a cabeça, os funcionários se negaram a voltar ao trabalho enquanto o policiamento da cidade não fosse reforçado. Para eles, um trauma. Para a população, ficou a dificuldade de acesso ao serviço bancário.
"A gente está prejudicado desde o assalto porque agora temos que viajar cerca de 50km para as cidades mais próximas que têm banco, como Juazeirinho ou Teixeira. Nem os caixas eletrônicos estão funcionando. Reclamamos à ouvidoria do banco, mas não tivemos nosso pedido atendido", diz o cliente Rildo Vanderley.
O prefeito da cidade, Deoclécio Moura Filho, também se manifestou. Segundo ele, até o pagamento dos funcionários públicos está comprometido devido à falta de acesso à agência para que a administração municipal deposite o dinheiro.
Do outro lado, os funcionários reivindicam segurança e dizem que já receberam ameaças de um terceiro assalto na agência. "A agência fechou para reforma, mas depois disso permaneceu o sentimento de insegurança. Tivemos que providenciar apoio psicológico para o nosso corpo de funcionários, mas acreditamos que tudo seja resolvido em breve", informou o assessor de imprensa do Banco do Brasil, Elinaldo Quirino.
O tenente coronel José Ronaldo Diniz Silva, comandante do 10º Batalhão da Polícia Militar (responsável pela segurança da área), informou ao G1 que o pedido dos funcionários do banco e da população por um reforço na segurança foi atendido por parte do Governo do Estado. "Estamos fazendo um trabalho preventivo com abordagens nas rodovias estaduais e nas entradas da cidade. Esperamos que nem tão cedo aconteça assalto lá de novo", informou.
No sábado (24), o vice-governador Rômulo Gouveia e o secretário estadual de Segurança Pública, Cláudio Lima, estiveram no local inaugurando as instalações do 5º Pelotão de Policiamento. A unidade passou a contar com 28 policiais que se revezam em escalas e ganhou novas armas, fardas e dois carros.
Para o secretário Cláudio Lima, o problema de segurança pública no país não é responsabilidade somente do Governo. "Alguns setores não têm feito sua parte, a exemplo dos bancos, que pouco têm se preocupado com a questão", afirmou. Segundo ele, neste ano foram presos 80 suspeitos de envolvimento em assaltos a bancos na Paraíba.
O assessor de imprensa do Banco do Brasil disse acreditar que a agência volte a funcionar assim que a greve dos bancários terminar. "Não abriu ainda por uma questão técnica. Agora que houve reforço na segurança da cidade com o novo pelotão, estamos prontos para voltar a trabalhar", disse Elinaldo.
G1

Abate de bovinos cai 0,5% no segundo trimestre, mostra IBGE

O abate de bovinos no País caiu 0,5% no segundo trimestre do ano ante o primeiro trimestre. Em relação ao segundo trimestre de 2010, a queda no abate desses animais foi de 7,0%.
No primeiro semestre de 2011, a atividade foi 3,5% menor em relação ao mesmo período do ano passado, segundo a Pesquisa Trimestral do Abate de Animais, Produção de Leite, Couro e Ovos de Galinha, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
Foram abatidas 7,065 milhões de cabeças de bovinos no segundo trimestre. O peso acumulado das carcaças atingiu 1,649 milhão de toneladas, montante 9,8% inferior ao registrado no segundo trimestre de 2010, e apenas 0,5% acima do registrado no primeiro trimestre deste ano.
Os animais abatidos no segundo trimestre de 2011 eram mais pesados (234 quilos por cabeça) que os abatidos no primeiro trimestre (231 quilos por cabeça). Houve queda de 2,4% no abate de vacas no segundo trimestre ante o primeiro, mas ainda assim o volume abatido foi 10,9% superior ao observado no segundo trimestre de 2010.
Regiões
O Estado de Mato Grosso mantém a liderança no abate de bovinos, sendo responsável por 14,8% do total nacional. São Paulo foi o segundo maior em abate de bovinos (11,7%), enquanto Mato Grosso do Sul ficou na terceira posição (11,5%).
A Região Centro-Oeste participou com 35,8% do abate de bovinos, seguida pelas regiões Sudeste (20,9%), Norte (20,5%), Sul (12,1%) e Nordeste (10,7%). Participaram da pesquisa do IBGE 1.434 informantes de abate de bovinos, distribuídos por todos os Estados.
Agencia Estado

Você sabe jogar seu lixo corretamente? Acerte no descarte dos resíduos tóxicos

Geladeira aposentada, micro-ondas queimado, computador antigo, telefone ultrapassado, pilhas velhas e fita VHS. Segundo o Ministério do Meio Ambiente, 17% do lixo eletrônico é armazenado nas residências do Brasil porque os cidadãos não sabem o que fazer com ele. E você, sabe a maneira correta de descartar esses e outros tipos de lixo, como óleo de cozinha usado, remédios vencidos, termômetros quebrados e lâmpadas fluorescentes queimadas?

A primeira lição do descarte é: nunca jogue esse tipo de resíduo junto ao lixo comum. Jogado em lixões, esse tipo de resíduo representa um sério risco ao meio ambiente, pois contém metais pesados como o chumbo, mercúrio, cádmio, berílio e arsênio, além dos compostos químicos retardantes de chamas e PVC, utilizados para produzir os aparelhos. O Brasil ainda não possui uma regulamentação nacional sobre o descarte de medicamentos, produtos relacionados à saúde e lixos eletrônicos. Enquanto a Política Nacional de Resíduos Sólidos é implementada, veja como jogar esses resíduos do jeito certo.

Yahoo! Notícias

Conselho de Ética da Câmara arquiva caso Valdemar

O Conselho de Ética da Câmara arquivou, por 16 votos a 2, o caso do deputado Valdemar da Costa Neto (PR-SP) sem sequer abrir investigação. O relator, Fernando Francischini (PSDB-PR), pediu ao colegiado a abertura do processo, mas seus colegas decidiram que não tinha por que investigar Valdemar.
O PR mobilizou suas principais lideranças na Casa para acompanhar a sessão, como o líder, Lincoln Portela (MG), e o vice-líder do governo, Luciano Castro (PR-RR). A base aliada fez coro com o argumento da defesa de Valdemar de que não havia nada a investigar. "Não se pode banalizar o Conselho de Ética. Não se pode sempre que sair acusação na imprensa trazer para cá", disse Amaury Teixeira (PT-BA). "Essa representação é pirotecnia, denuncismo barato", afirmou Wladimir Costa (PMDB-PA).
Valdemar foi levado ao Conselho de Ética pelo PSOL e o PPS. Os partidos reuniram denúncias veiculadas pela imprensa que apontam a participação do deputado em reuniões no Ministério dos Transportes nas quais se pedia a empresários o pagamento de propina para a liberação de recursos.
Consta também do pedido de investigação um vídeo no qual Valdemar negocia a liberação de recursos do Ministério para que o deputado Davi Alves Silva Júnior ingresse no PR. A representação também traz um trecho de entrevista de Valdemar a uma rádio de Mogi das Cruzes na qual ele diz "querer" uma diretoria de um banco público para ajudar aliados a liberar verbas. Um aditamento incluiu ainda no escopo da investigação a denúncia de fraudes na "Feira da Madrugada" em São Paulo.
Constrangimento
Valdemar fez sua defesa pessoalmente durante 15 minutos. Rebateu cada ponto da acusação e disse não haver nada que desabone sua conduta. Atribuiu as denúncias ao aproveitamento de uma crise política. O advogado dele, Marcelo Bessa, reforçou destacou que não podia se abrir investigação sobre o "nada".
Francischini rebateu o argumento lembrando a crise que levou à demissão de diversas pessoas da cúpula do Ministério dos Transportes. "Se não existe nada nos Transportes porque a presidente Dilma demitiu o ministro e 20 integrantes da cúpula?", questionou o tucano. A declaração provocou reação dos partidários de Valdemar. O líder, Lincoln Portela, destacou que foi Alfredo Nascimento quem pediu demissão e defendeu a gestão do partido na pasta.
No fim, o relator ainda tentou sensibilizar os colegas lendo uma carta de seu filho, de 18 anos, na qual ele dizia passar constrangimento por ser filho de um deputado e dizia acreditar que no Conselho havia outros deputados como ele que "não vendem a alma por cargo ou dinheiro". O deputado Mauro Lopes (PMDB-MG), aliado do deputado do PR, ironizou afirmando que os filhos de Valdemar também têm este mesmo pensamento.
Agência Estado

Propaganda com Gisele Bündchen pode ser retirada do ar

A Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República pediu que um comercial onde a modelo Gisele Bündchen aparece em roupa íntima seja retirado do ar, por entender que a publicidade reforça o estereótipo das mulheres como objetos sexuais.

A solicitação foi feita por meio de um memorando enviado ao Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) e a empresa anunciante, a fabricante de peças íntimas Hope.

Na propaganda, a modelo ensina às mulheres a melhor maneira de comunicar más notícias aos seus maridos. Na parte inicial, usando roupas do dia a dia, ela diz ao companheiro que sua mãe viverá com o casal. Em seguida, dá as mesmas notícias usando peças íntimas, o que seria a estratégia correta.
De acordo com o comunicado da secretaria, a publicidade "promove o estereótipo errado da mulher como objeto sexual de seu marido e ignora grandes avanços que alcançamos para desmontar práticas e pensamentos sexistas".

O órgão disse também que recebeu inúmeras manifestações de repúdio contra a propaganda, exibida pela primeira vez em 20 de setembro.

A fabricante, em resposta à nota, afirmou que teve o "objetivo claro e definido de mostrar, com bom humor, que a sensualidade da mulher brasileira, reconhecida mundialmente, pode ser uma arma eficaz no momento de se dar uma má notícia".

O anunciante disse ainda que não teve a intenção de usar exemplos sexistas e que contratou Gisele Bündchen justamente para mostrar que não se trata de um problema de dependência econômica da mulher.
yahoo

Infarto mata entre 10% e 15% das vítimas no Brasil; médico alerta para histórico familiar

O infarto agudo do miocárdio, uma das principais causas de óbitos no Brasil, junto com o acidente vascular cerebral (AVC), mata entre 10% e 15% das suas vítimas no Brasil. De acordo com o Ministério da Saúde, a meta é reduzir o índice para 5%. Para o cardiologista João Poeys, a dica é incentivar hábitos alimentares saudáveis e a prática de atividade física, sem descuidar do histórico familiar de doenças cardiovasculares.

Esse tipo de enfermidade, segundo o médico, acontece por causa da obstrução das artérias do coração, provocada pelo acúmulo de gordura. Entre os fatores de risco estão pressão alta, taxas de colesterol e glicose elevadas, sobrepeso e obesidade, além de hábitos como fumo, baixa ingestão de frutas e verduras e sedentarismo.

“Hoje um fator muito importante que a gente está vendo na prática clínica é o histórico familiar. Pacientes que, mesmo que não tenham fatores clássicos, mas com mãe ou irmão que teve infarto jovem, têm uma propensão grande de desenvolver a doença.”

A orientação de Poeys é que os cuidados comecem desde cedo. “É preciso acabar com o mito de que criança saudável é criança gordinha”, ressaltou. Na adolescência, é recomendada a realização de exames de sangue para medir as taxas de colesterol e glicose. Homens, a partir dos 40 anos, e mulheres, a partir dos 50, já devem começar a fazer periodicamente o teste ergométrico.

“A gente vê, no dia a dia do hospital, que a maioria dos pacientes infartados ou infartando não fazia acompanhamento médico regular, não se tratava, é sedentária e tem alimentação ruim. Infelizmente, só depois do susto que tomam com um infarto ou uma angina, eles procuram mudar o estilo de vida.”

O comerciante Plínio Rodrigues Miranda, de 56 anos, tem o perfil de quem deve se cuidar em relação a doenças cardiovasculares – está 12 quilos acima do peso, é sedentário, não se alimenta bem e trabalha muito, o que aumenta o estresse. Enquanto aguardava para ser chamado para a consulta, já conseguia adiantar o que o cardiologista cobraria.

“Ele vai dizer que tenho que emagrecer, comer mais fruta e verdura, diminuir a cerveja”, contou. Apesar de manter uma frequência de consultas há pelo menos dez anos, Miranda admite: “Preciso me cuidar mais. Já senti dor no peito, fadiga, falta de ar”, disse.

Maria Aparecida Nascimento, de 58 anos, procurou o médico depois de sentir o coração “batendo apressado”. A família da aposentada tem histórico de pressão alta. Além dela, as filhas de 32 e 38 anos já apresentam o problema. Há alguns anos, depois da primeira visita ao cardiologista, Maria passou a cuidar mais da alimentação e, mesmo sem poder fazer esforço físico, faz hidroterapia.

“Já no combate ao estresse, a religião ajuda. Tenho nove netos. O coração tem que estar bom para cuidar deles”, contou.

Da Agência Brasil

Gigantes do ramo dos eletrônicos firmam parceria

A Sony VAIO acaba de fechar uma parceria com a Microsoft e será patrocinadora ouro do maior evento de educação técnica e networking direcionado aos profissionais de TI, o TECH ED 2011. Profissionais de tecnologia estão entre os principais focos da categoria VAIO no Brasil, que investe cada vez mais neste segmento. Na feira, além de conhecer um pouco mais sobre a linha de computadores da Sony, o público também poderá participar de ações diferenciadas que envolvem redes sociais, jogos e ainda poderão concorrer a vários brindes.

O evento que está na sua 11ª edição acontece nos dias 29 e 30 de setembro no Expo Center Norte, em São Paulo. Este ano estima-se um público de 2,3 mil profissionais durante os dois dias do evento.
DIARIODEPERNAMBUCO.COM.BR

Senado aprova MP que cria o Programa Brasil sem Miséria

O plenário do Senado aprovou hoje (28) a Medida Provisória (MP) 535 que institui os programas de Apoio à Conservação Ambiental e de Fomento às Atividades Produtivas Rurais direcionados às famílias em situação de extrema pobreza. A MP integra o Plano Brasil sem Miséria, lançado no início de julho pela presidenta Dilma Rousseff. Mesmo a favor do mérito do projeto, a oposição criticou o excesso de MPs.

A relatora da matéria, senadora Marta Suplicy (PT-SP), disse que a MP é importante por permitir que o Programa Bolsa Família alcance um “núcleo duro da pobreza” do país. “Nos últimos anos, o Brasil surpreendeu o mundo, tirando da pobreza 28 milhões de pessoas. Mas, apesar dessa mobilidade social sem precedentes no país, temos ainda um núcleo duro da pobreza”, disse.

“São brasileiros cuja renda familiar não chega a R$ 70 mensais por pessoa. Mais de 47% dessas pessoas se encontram na área rural e, dessas, 40% têm menos de 14 anos. Daí a importância desta MP”, completou a senadora petista.

A MP tem, entre outros objetivos, incentivar a conservação dos ecossistemas, promover a cidadania, melhorar as condições de vida e a elevação da renda da população em situação de extrema pobreza que exerça atividades de conservação dos recursos naturais no meio rural. Caberá ao Ministério do Meio Ambiente a execução do Programa de Apoio à Conservação Ambiental.

Pela MP, a transferência de recursos financeiros do Programa de Apoio à Conservação Ambiental será feita por meio de repasses trimestrais no valor de R$ 300 por um prazo até dois anos, podendo ser renovado. A medida provisória também autoriza a União transferir diretamente ao responsável pela família beneficiária do Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais os recursos financeiros no valor de R$ 2.400 por família, em no mínimo três parcelas, e no período máximo de dois anos.

Apesar de defender o mérito da proposta, os senadores da oposição voltaram a criticar o “excesso” de medidas provisórias. “Embora trate de situação emergencial, no aspecto social e político da expressão, não há urgência, no aspecto constitucional, a ensejar a adoção de medida provisória”, criticou o senador Jayme Campos (DEM-MT). Já o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR) fez um apelo à Câmara dos Deputados que aprovem a proposta de emenda à Constituição (PEC), já aprovada pelo Senado, que altera o rito das MPs.

“Não se justifica a lentidão dos procedimentos na outra Casa do Congresso Nacional. Fica a impressão de que há interessados, do outro lado da rua, exatamente no Palácio do Planalto, impedindo que essa mudança ocorra em benefício da respeitabilidade da instituição parlamentar no país”, disse o tucano.

“Como sempre, o governo não nos dá oportunidade de fazer uma discussão profunda das matérias. A matéria já chega aqui em última hora, em petição de miséria. É escolhido um relator e ele não pode fazer o aperfeiçoamento que deseja, porque continuamos oprimidos pelo rito das medidas provisórias”, acrescentou o líder do DEM, senador Demóstenes Torres (GO).
Da Agência Brasil

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Com vassouras em frente ao Congresso, ONG defende voto aberto e Ficha Limpa

O gramado em frente ao Congresso Nacional amanheceu hoje (28) com 594 vassouras, em uma manifestação a favor do voto aberto e da Lei da Ficha Limpa, que torna mais rígidos os critérios para quem quer se candidatar a cargo eletivo. A organização não governamental (ONG) Rio da Paz colocou as vassouras como um simbolismo em favor de uma limpeza no Parlamento brasileiro.

“A vassoura simboliza a exigência da sociedade de que o Congresso esteja ao lado do povo no combate à corrupção no Brasil”, disse o presidente da ONG, Antônio Carlos Costa.

Esta não é a primeira vez que a ONG faz um protesto cênico em Brasília. Em 2007, cerca de 15 mil lenços brancos foram pendurados em varais na Esplanada dos Ministérios, como forma de representar o número
de brasileiros assassinados no país nos cinco primeiros meses daquele ano.

O grupo pretende, à tarde, entregar uma vassoura para cada um dos parlamentares: 513 deputados e 81 senadores. “Queremos inaugurar uma nova fase da sociedade civil com o Congresso. Dizer que a corrupção
vive no pior ambiente possível, gosta de escuridão, de penumbra. E o voto aberto é luz”, comenta Antônio Carlos.

O protesto ocorre no mesmo dia em que o Conselho de Ética da Câmara vai votar o relatório preliminar do deputado Fernando Francischini (PSDB-PR) no processo contra Valdemar Costa Neto (PR-SP) por quebra de
decoro parlamentar.

O PSOL e o PPS pediram a abertura de processo sob a acusação de que Valdemar Costa Neto teria envolvimento em irregularidades no Ministério dos Transportes, pasta comandada pelo PR.
Fonte: Agência Brasil

Portas Abertas

Portas abertas
Esperança solta
Certas escolhas
Refletem um desejo de uma vida próspera
Os livros que leio
As viagens que fiz
Os caminhos que trilho
Faz-me aprendiz
Não fiz tudo que devo
Mas sei tudo que quero
Passo a passo seguindo
O caminho é deserto
Obstáculos postos
Incentivo a seguir
Olhando nos olhos
Daqueles que fingem sorrir
Medo presente
Companheiro sincero
Mesmo distante ainda o quero.

Por: JOAMMA DINIZ

Pecado Capital: Justiça recebe denúncia do MP-RN

O juiz da 7ª Vara Criminal de Natal, José Armando Ponte Dias Júnior, aceitou na última segunda-feira (26) a denúncia criminal contra os acusados de fazerem parte de esquema de desvio de recursos do Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Rio Grande do Norte (IPEM/RN), identificados durante investigações que culminaram na Operação Pecado Capital.

De acordo com o magistrado a denúncia foi aceita parcialmente em relação a alguns dos crimes listados pelo Ministério Público, mas aceita totalmente para os nove denunciados. Como o processo corre em segredo de justiça, o juiz alegou que não é possível fornecer mais informações.

A Operação Pecado Capital foi deflagrada no último dia 12/09 em parceria com a Polícia Militar dando cumprimento a mandados de sequestro de bens, de busca e apreensão e de prisão.

São nove os denunciados: Rychardson de Macedo Bernardo, Rhandson Rosário de Macedo Bernardo, José Bernardo, Maria das Graças de Macedo Bernardo, Adriano Flávio Cardoso Nogueira, Daniel Vale Bezerra, Aécio Aluizio Fernandes de Faria, Acácio Allan Fernandes Fortes e Jeferson Witame Gomes.

Cartões com locais de prova do Enem começam a chegar ainda nesta semana, dizem Correios

Os Correios afirmaram nesta terça-feira (27) que os cartões de confirmação com os locais de prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2011 começam a chegar nesta semana às cidades do interior e, na próxima semana, às capitais. O exame acontece nos dias 22 e 23 de outubro.
De acordo com o órgão, há uma “operação especial dedicada” ao Enem e que, por isso, “não haverá problemas na distribuição dos cartões de confirmação, nem tampouco das provas”. Desde o furto do exame de 2009, a reponsabilidade de fazer os testes chegarem aos locais de prova é dos Correios.o ministro Fernando Haddad disse que o Enem está cercado “do que há de melhor na inteligência do país”, na tentativa de evitar as trapalhadas das duas últimas edições, que incluem o vazamento de 2009 e os erros de impressão de 2010. Nesse ano, um grupo de alunos precisou refazer o exame após receberem cadernos de testes com questões faltantes e repetidas.
UOL

MISSA E SEPULTAMENTO DO PADRE JERÔNIMO LEOPOLDINO

A Paróquia de Santa Luzia vem comunicar a todos/as abalados/as com a morte do Padre Jerônimo Leopoldino que a celebração eucarística será as 16 horas desta quarta-feira, dia 28 de setembro de 2011, na Igreja do Rosário (próxima ao Yayú Clube), havendo logo após o sepultamento na Igreja Matriz de nossa paróquia.

Pedimos a todos/as que avisem aos parentes, amigos, familiares e enlutados dessas cerimônias. Aproveitamos para deixá-los/as infomados que o corpo só estará chegando nesta quarta-feira pela manhã, por volta das 10h.

Que a Virgem Santa Luzia faça-nos enxergar a luz em que nosso irmão agora se encontra!

Paz e bem a todos/as!

Vamos rezar!

Por Blog da Paróquia

Nota do coordenador do Curso de Jornalismo das FIP

Patos – Paraíba, 27 de setembro de 2011
Aos amigos, colegas, alunos e ex-alunos
Por decisão pessoal, estou mantendo contato com alguns setores da imprensa
paraibana no intuito de poupar a família do Pe. Jerônimo Medeiros, bem como
os paroquianos da Igreja Santo Antônio e a comunidade católica do nosso Sertão
de insinuações maldosas, que em nada contribuem à prática do bom jornalismo,
cuja proposta hermenêutica é, além de informar, conscientizar a sociedade numa
perspectiva libertária. Esse principio, que tem sua gênesis no Iluminismo (séc. XVIII),
foi motivador de algumas das mais significativas transformações/revoluções sociais
que definem o panorama contemporâneo. Tomemos como exemplo a Revolução
Francesa, cujos ideais iluministas, expostos através das práticas enciclopedistas e dos
jornais, eram difundidos às classes desvalidas por Robispierre; ainda nesse ponto, é
precisamos questionar se os movimentos antecessores ao famoso Maio de 1968, como
a Primavera de Praga e os protestos estudantis que ocorriam no norte europeu, não
teriam fundamentado e articulado as ideias do movimento estudantil parisiense pela
luta de um modelo educacional desburocratizado, permitindo a difusão, projeção e
expansão das correntes de pensamento contemporâneas, referenciadas por Sartre,
Simone de Bouvoier, Bourdieu, Foucalt, entre outros... Será que se a imprensa do
mundo inteiro - fortemente representada pelo New York Times, Fination Times,
CNN, BBC of London, e alguns outros veículos/meios - não tivesse tomado partido
em mostrar algumas das atrocidades ocorridas nos claustros da cortina de ferro, as
ditaduras socialistas teriam sobrevivido?

Não quero pensar a imprensa, como os meios de comunicação, em seus aspectos
totalitários, definidos por Ingnácio Ramonet em A tirania da comunicação. Penso em
valorá-la do ponto de vista libertário, por acreditar que num estado democrático de
direito ela seja necessária à orientação, sobretudo dos humildes, que ao contrario de
mim emite, direciona, orienta e, talvez até seja manipulador de pensamentos. Que
sou eu, um homem falível como qualquer outro, dotado de defeitos e pouquíssimas
virtudes para julgar os posicionamentos, angustias e maus êxitos de quem quer que
seja???

O questionamento, para alguns excessivamente clichê, parte das postagens de alguns
comentários postados durante as últimas horas em websites que noticiam a morte do
Pe. Jerônimo Medeiros.

Na minha ignorância cibernética sei que existem ferramentas capazes de bloquear
postagens esdruxulas. Diante disso, peço encarecidamente aos websites de conteúdo

jornalístico, que façam uma triagem nas mensagens enviadas no intuito de desdenhar
não só do Pe. Jerônimo mas de toda condição humana. Solicito também a retirada,
na medida do possível, dos comentários que torturam mais os familiares abalados
e os amigos traumatizados. Aos meus alunos e ex-alunos, considerem o pedido,
levando em conta as vezes que me procuraram e eu não medi esforços para ajuda-los.
Fazendo isso, tenham certeza, vocês estarão contribuindo para o exercício da ética e
da dignidade.

Que Deus abençoe a todos,

Afetuosamente,

Prof. Ms. Flaubert Paiva

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Justiça dá 180 dias para 24 municípios demitirem sem concurso público

Em sessão extraordinária nesta segunda-feira (26), o Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba determinou que servidores de 24 municípios, contratados em caráter temporário, devem ser afastados dos respectivos cargos num prazo de até 180 dias. Os relatores das Ações Diretas de Inconstitucionalidade entenderam que os dispositivos atacados pelo Ministério Público foram idênticos e revelam flagrante violação às disposições constitucionais e não especificam quais os casos em que há necessidade de excepcional interesse público para justificar as contratações temporárias.
O desembargador-relator Márcio Murilo da Cunha Ramos, relator do processo nº 999.2010.000510-0/001, referente ao município de Gado Bravo, afirmou que a Constituição Federal exige o concurso Público para admissão de pessoal da Administração Pública. Observou que a contratação direta de servidores para atender a alguma necessidade transitória só pode ser feita mediante descrição taxativa das hipóteses em que haja interesse público excepcional, o que não ocorreu e não se configura na lei municipal em questão.
Durante a sessão, sob as relatorias dos desembargadores Manoel Soares Monteiro, Marcos Cavalcanti de Albuquerque, João Alves da Silva, Fred Coutinho, Romero Marcelo e Genésio Gomes Pereira, a Corte utilizou os mesmos argumentos nas outras 23 ADIs, impetradas contra leis dos municípios de Teixeira, Zabelê, Itapororoca, Marcação, Lucena, São José do Sabugi, Gurjão, Montadas, Riacho dos Cavalos, Sousa, Santa Cruz, Desterro, Alagoa Nova, Gurinhém, Marizópolis, Junco do Seridó, Pilar, Mari, Solânea, Itatuba, São Bentinho, Paulista e Cabedelo. Todas os dispositivos questionados pelo MP nestas Ações foram julgados inconstitucionais e os contratados deverão ser afastados no prazo de 180 dias.
Assessoria do TJ/ PB

veja dicas para se sair bem nas provas no ENEM

Nos dias 22 e 23 de outubro - pelo menos 5 milhões de estudantes darão início à maratona de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para auxiliar quem está se preparando para as provas, que pode garantir vagas em universidades públicas e privadas de todo o País, o Terra reuniu algumas dicas de professores que podem ser úteis nesta reta final.
De acordo com o especialista em Enem e presidente de honra do Instituto Henfil, Mateus Prado, para quem ainda não conhece o modelo de questões do Enem, o importante agora é refazer as provas anteriores. Segundo ele, assim o candidato não vai se "surpreender" com uma prova mais extensa e com menos "decoreba". "Ele vai saber as diferenças de um vestibular tradicional", diz Prado.
Para quem já fez isso, a dica é se focar nos conteúdos mais cobrados em cada disciplina. Na área de ciências da natureza, os candidatos devem revisar temas como biodiversidade, eletricidade e ligações químicas. Em ciências humanas, os conteúdos mais exigidos devem ser as revoluções agrícola, industrial e da internet e seus reflexos no comportamento dos indivíduos, além de conceitos ligados à democracia. Outro tema importante é a Constituição Brasileira de 1998 e os seus desdobramentos, como o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e o Estatuto da Igualdade Racial.
O professores explica que a prova de linguagens é mais focada na interpretação de textos, mas que é importante revisar os conceitos ligados aos movimentos literários e artísticos. Já na área de matemática, o fundamental na reta final é revisar questões de geometria básica, álgebra e estatística.
Já para a redação, a dica de Mateus Prado é ficar atento a assuntos atuais e que podem ser cobrados como tema do texto, como cidadania e direitos humanos (garantias conquistadas a partir da Constituição Federal de 1988), a relação do homem com o meio ambiente (aquecimento global), novas tecnologias da informação e a liberdade de imprensa (como as redes sociais influenciam na participação política). O especialista lembra ainda que a redação deve ter, no mínimo, oito linhas e não pode ser assinada. O ideal, segundo ele, é desenvolver os argumentos em cinco parágrafos, com cerca de 7 linhas cada.
Atualidades
O professor do cursinho Universitário, Mario Luiz Pavarati, afirma que, além de revisar os principais conteúdos, o candidato precisa focar o estudo nas atualidades. "Principalmente para a prova de ciências humanas, os estudantes precisam estar atentos ao que acontece no País e no mundo. É fundamental ler jornais e acompanhar as notícias pela internet", afirma.
O professor cita como exemplos de assuntos que devem ser abordados a crise nuclear no Japão após o tsunami que devastou o País em março deste ano, as fontes alternativas de energia, como a eólica, além dos investimentos no Brasil com o pré-sal. Para quem ainda não está por dentro desses assuntos, Pavarati diz que é preciso "correr em busca de informação".
Prova extensa
Segundo os professores, os candidatos também precisam se preparar para uma maratona extensa de provas. "Com 90 questões cada dia, muitos estudantes chegam na pergunta 65 exaustos e não conseguem um bom resultado. Além do conhecimento, é uma prova de resistência, que exige preparo físico e emocional", afirma Mateus Prado.
O professor do Universitário concorda que 180 questões deixam os candidatos exaustos. "A dica que eu dou é ler cada enunciado e separar o que é importante. A maioria das perguntas conta uma historinha para no final apresentar o que quer. O estudante não pode perder muito tempo nessa leitura, é preciso focar no que a questão pede", diz. Segundo ele, o recomendado é que não se perca mais de três minutos com cada questão. Para a redação, a dica dos professores é deixar uma hora reservada para fazer um bom texto.
portal da educação

SOBRE LIVROS E ÍNDIOS

Semana passada Caicó sediou mais uma Feira do Livro. Compromissos impediram-me de realizar um passeio pela Ilha de Santana e com certeza encontrar amigos detentores de apetites por uma boa leitura. Soubera que o cantor e compositor Lobão estivera presente e com Suru bateram um belo papo cabeça! Vasculhei os blogs da cidade e região e parecera que o evento não significara muito para os fazedores de notícias. É, livro não dá muito ibope. Livro não fuxica. Livro não se candidata a cargo eletivo. Fiquei matutando todo o fim de semana e não encontrei respostas para a ausência de falatórios nos “the day after”!

Hoje (26 de setembro), ainda variando, observei uma criança que sua atenção fora seduzida para uma poção de lixo amontoado na rua. Tinha os olhos meio puxados e parecia um indiozinho! Vi que se dirigira em direção a uns caixotes cheios de livros ali jogados. Apanhou um, folheou desordenadamente como a indicar que não sabia ler. Pegou outro, demorou-se um pouco mais naquele, permitindo-me uma aproximação sem que percebesse. O livro era cheio de gravuras coloridas! Seus olhos se encheram de um brilho diferente e se presumira haver satisfação no que vira! Fotografias de animais que jamais conhecera e paisagens diferentes da nossa. Ele o levou para casa e deve ter mostrado a seus irmãos. O tempo que passou olhando as imagens contidas naquelas junções de páginas fê-lo permanecer um pouco mais com seus parentes, fê-lo esquecer as ruas. Quando aquela criança aprender a ler e escrever e tiver mais oferta de leitura além do lixo, com certeza será um ser humano mais feliz. É essa a magia dos livros!

Livros e índios passei a refletir. A lembrança do índio materializada nas feições da criança. Livros e índios, esses dois personagens de pouca importância dada por nós brasileiros que deveria se constituir como um povoar de nosso cotidiano. Livros e índios, para qualquer nação do mundo, referir-se aos seus primeiros habitantes e ao caminho do conhecimento se constitui em manifestação obrigatória da parte de qualquer cidadão.

Caetano Veloso, em uma de suas músicas, também intitulada “Livros”, começa, referindo-se ao universo de palavras guardadas que tivemos e ainda temos contatos, assim: “Tropeçavas nos astros desastrada/Quase não tínhamos livros em casa/E a cidade não tinha livraria/Mas os livros que em nossa vida entraram/São como a radiação de um corpo negro/Apontando para a expansão do universo/Porque a frase, o conceito, o enredo, o verso/(E, sem dúvida, sobretudo o verso)/É o que pode lançar mundos no mundo”.

É, continuamos quase sem livros em nossas casas e em nossa cidade não há tantas bibliotecas...

Em Caicó quase que não há bibliotecas infanto-juvenis. As poucas que há são bastante saqueadas em função da pouca oferta em relação à demanda. E se há livros, poucos se reportam à história do índio em nossa cidade. No Seridó há informações de alguns remanescentes em Acari e Currais Novos. Mas é necessário que os ainda restantes sejam preservados tais como dissera Caetano, desta feita na voz de Zé Ramalho, um trovador de aqui perto de nós quando aduzira: “Um índio preservado em pleno corpo físico/Em todo sólido, todo gás e todo líquido/Em átomos, palavras, alma, cor, em gesto e cheiro/Em sombra, em luz, em som magnífico”.

Poucos livros e poucos índios. Até quando poderemos ainda tê-los entre nós, mesmo que seja para “Encher de vãs palavras muitas páginas/E de mais confusão as prateleiras...”.

Se é verdade que todo dia “é dia de índio”!


Gilberto Costa

A verba para compra de sapatos

Aquele prefeito fica revoltado, quando seu secretário traz a última conta de sua esposa no Manaíra Shopping, onde ela adquiriu cinco pares de sapatos dos mais caros e assinou um vale pro esposo pagar.
O prefeito fica injuriado. Pega o telefone e liga pra ela: “Você está doida, é? Como você imagina que vou justificar esse tipo de despesa? Ponho em que verba?”
Ela, sem demonstrar qualquer afobação: “Ora, querido, que bobagem. Se a compra é de sapatos, então manda por na verba de calçamento!”
Por Rubens Elias via Orkut

Depois de quatro meses de greve, servidores de universidades federais volta

Depois de quase quatro meses em greve, os servidores técnico-administrativos das universidades federais voltaram ao trabalho nesta segunda-feira (26). Segundo a Coordenadoria-Geral da Federação dos Sindicatos de Trabalhadores em Universidades Brasileiras (Fasubra), 45 instituições de ensino superior, inclusive a Universidade de Brasília (UnB), já estão funcionando normalmente.

Durante todo o período de greve, o governo manteve a posição de não negociar com os grevistas. Devido a uma ação movida pela Advocacia-Geral da União (AGU) no Superior Tribunal de Justiça (STJ), a greve chegou a ser considerada ilegal.

Os servidores querem aumento do piso salarial da categoria que, hoje, está fixado em R$ 1.034. Também pedem reajuste do auxílio-alimentação. Segundo a coordenação do movimento grevista, esses itens haviam sido negociados em 2007, mas não foram cumpridos pelo governo.

Agência Brasil

Rio Grande do Norte inicia Campanha para Doação de Órgãos

A Secretaria de Estado da Saúde Pública, através da Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos do Rio Grande do Norte(CNCDO) realiza na próxima quinta feira(29) às 9 horas, no auditório do Hotel Serhs, a abertura da Campanha de Doação de Órgãos no Estado.

A Política Estadual de Transplantes tem como objetivo fortalecer os serviços de saúde para garantir à população o acesso a todos os procedimentos relacionados, desde o pré até o pós transplante.

No dia 27 de setembro é comemorado em todo o país, o Dia Mundial de Doação de Órgãos, sendo assim, a Central de Transplantes responsável em coordenar as captações de órgãos ou tecidos no Rio Grande do Norte irá apresentar os últimos números do estado nessa área.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Transplantes(ABTO), o Rio Grande do Norte realizou 16,4 captações multiorgânicas por milhão de habitantes/ano, permanecendo o estado em destaque nacional e ultrapassando a média no país de 11 captações. O Estado também se destaca na região Nordeste em número de transplantes renais, assumindo a primeira posição.

ASSISTÊNCIA

O SUS é o maior sistema público de transplantes do mundo. Cerca de 95% das cirurgias deste tipo feitas no Brasil, de forma totalmente gratuita, são realizadas pelo Sistema Único de Saúde. O Brasil é referência internacional em transplantes por realizar o maior número de procedimentos por meio de uma rede pública de saúde. Ano passado, foram 21.040 cirurgias feitas pelo SUS, quase o dobro da quantidade registrada em 2002 (11.203). E a expectativa é que o número de transplantes realizados este ano supere a marca de 2010.
DN online

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Padre da paróquia de Santa Luzia/PB está desaparecido

Cinco dias após o desaparecimento do padre Jerônimo Leopoldino de Medeiros Neto, 33, a polícia, igreja católica e moradores de Santa Luzia, no Sertão, continuam sem pistas e irão mobilizar hoje, mais de 100 pessoas para fazer na zona rural do município. O padre desapareceu na última terça-feira e foi visto pela última vez na rodovia BR-230, em Santa Luzia, para onde tinha ido visitar parentes. A família acredita que ele tenha desaparecido por conta de problemas de depressão.

De acordo com a secretaria da paróquia de Santa Luzia, Aricé Vieira, as buscas tiveram inicio na última terça-feira e que ainda não foi encontrado nenhum indício que possa ajudar a localizar o padre.

Ela disse que apesar do número de pessoas envolvidas nas buscam ter aumentado para mais de 100, percorrendo mais de 80 quilômetros de estradas das comunidades rurais, ainda não foi possível localizar o padre. "A cada dia, a campanha em busca do padre aumenta e mesmo assim não estamos tendo resultados.Estamos em grupos, o dia todo pelos sítios, espalhando fotos dele, e esperamos localiza-lo logo, porque todo mundo está muito preocupado, pois já sai mais de cinco dias desaparecido e não sabemos o que aconteceu com ele", contou a secretaria.

Segundo padre Alexandre Soares, da paróquia de Santo Antônio, em Patos, o pároco não estava se sentido bem nos últimos dias e demonstrava sinais de depressão. "Ainda não sabemos o que está acontecendo. Ele estava doente e até já fazia tratamento", disse o padre Alexandre. Padre Jerônimo atua na Paróquia de Santo Antonio, em Patos.

Na última terça-feira, ele tinha ido à Santa Luzia visitar a família, com quem almoçou. Segundo a prima dele, Maria Aparecida, no dia do desaparecimento, ele estava muito perturbado e preocupado com a vida.

Por Daniel Motta - Correio

Campanha de vacinação contra o sarampo acaba esta semana

A campanha de vacinação contra o sarampo termina na próxima sexta-feira (30). Crianças de 1 a 7 anos devem ser levadas aos postos de saúde para fazer a imunização. Quem já foi vacinado pode receber a dose novamente.

Inicialmente, a campanha estava prevista para terminar no último dia 16, mas foi prorrogada pelo Ministério da Saúde por duas semanas. Segundo a pasta, o objetivo é identificar os municípios com cobertura vacinal menor e intensificar a mobilização nessas localidades.

O sarampo é uma doença altamente contagiosa. Os sintomas mais comuns são febre, tosse seca, manchas avermelhadas, coriza e conjuntivite. A transmissão acontece quando o doente tosse, fala ou respira. A vacina é a forma mais eficaz de prevenção e está disponível durante todo o ano nos postos de saúde.
Agência Brasil

Concurso para o Senado Federal deve ser mais difícil e concorrido

O sinal verde para o concurso do Senado Federal ainda depende da aprovação da reforma administrativa em discussão na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), mas, para muitos candidatos, a disputa começou há quase três anos, logo depois que o resultado do certame de 2008 foi divulgado. A Casa Legislativa ocupa lugar de destaque na lista dos órgãos públicos mais cobiçados pelos concurseiros, com salários que podem chegar a
R$ 20.900,13 para analista e R$ 16.563,02 para técnico. Na última seleção, organizada pela Fundação Getulio Vargas (FGV), a relação candidato/vaga chegou a quatro dígitos em determinadas funções — para o cargo de policial legislativo federal, por exemplo, foi de 1.196,50. Por isso, alunos e professores dos cursos preparatórios não duvidam: a seleção desta vez será ainda mais acirrada e com um grau maior de exigência.

O professor do Gran Cursos e especialista em provas discursivas João Dino dos Santos é taxativo: a redação pode decidir o certame. “Ela é o grande desafio dos candidatos, principalmente em um concurso dessa envergadura. Se a FGV for novamente a banca escolhida, é preciso atenção redobrada e treinamento especial em relação aos comandos das questões objetivas, que são de múltipla escolha, o que dá maior margem para confusão e erros”, avalia. Santos recomenda que o candidato a analista legislativo esteja preparado para uma prova expositiva conceitual.

O professor lembra que, no concurso de 2008, a Constituição e as peculiaridades do sistema eleitoral majoritário foram cobradas. Ele também alerta que há grande possibilidade da exploração de temas como as etapas do processo legislativo. “É importantíssimo que o candidato esteja por dentro dos assuntos discutidos no âmbito do Senado e da Câmara dos Deputados. As perguntas discursivas exigem tanto o domínio do português quanto do objeto explorado. Quem não conhece bem a língua não consegue discorrer bem, não sabe organizar o pensamento e não tem clareza na escrita”, assegura. Para as questões de interpretação de texto, Dino sugere que o candidato sempre leia o enunciado antes.

O especialista e professor em processo legislativo e regimento interno Jefferson Ribeiro pondera que ambos os conteúdos são cada dia mais explorados em provas da Câmara ou do Senado. Segundo ele, o regimento interno tem como norma complementar o processo legislativo, que detalha a tramitação das proposições da casa. O primeiro é um documento que dirige os trabalhos administrativos e os serviços legislativos. “A partir da Constituição Federal, ele organiza o trâmite do processo legislativo, a conduta dos parlamentares e a composição dos órgãos da Casa. Conhecer esse funcionamento é fundamental para quem disputa uma vaga no Senado. Muitos candidatos deixam para estudar esses conteúdos em cima da hora, o que pode ser um erro determinante”, considera.

Ribeiro ressalta que a prova de 2008 exigiu muito do candidato em relação às normas internas da Câmara também. “Várias matérias são apreciadas em sessão conjunta e é preciso dominar o regimento do Congresso Nacional como um todo, assim como o Código de Ética e o decoro parlamentar. Não tenho dúvidas de que esse conhecimento específico será exigido. Tivemos mais de 20 questões objetivas e uma discursiva no último certame”, lembra o professor, que também é servidor da Câmara.

Para o docente de direito administrativo da Vestconcursos Emerson Caetano, os concurseiros devem atentar para pontos como os princípios, a organização administrativa do Estado, os atos e as modalidades de contratos. A dica é procurar um bom material e fazer exercícios relacionados a tais tópicos. “Candidatos que nunca tiveram contato com esse assunto, geralmente, encontram dificuldade em relação à terminologia e aos conceitos jurídicos. A matéria em si é simples, mas a concorrência é alta e o nível de exigência também. Sugiro que o candidato resolva as provas anteriores para ter uma noção”, indica.

A empresária Isabela Duarte, 29 anos, optou por um cursinho para intensificar os estudos. Ela conta que, desde 2009, tem se debruçado em livros para conseguir uma vaga de técnico legislativo. “O conteúdo é extenso. Acordo às 5h todos os dias e estudo até as 8h. Trabalho pela manhã e, à tarde, vou para o cursinho. À noite, faço uma revisão das matérias. Também gosto de fazer simulados na internet e, quando estou cansada, procuro estudar ao ar livre” conta.

A bióloga Gianni Santos Sales, 26 anos, disputará uma vaga de analista legislativo e revela ter uma preocupação especial com os conteúdos de direito constitucional e regimento interno. “Me assusto com os jargões que não conheço, mas procuro seguir um cronograma de estudos para me familiarizar. Tenho feito muitos exercícios e acho que é uma boa forma de aprender”, observa.

Mais vagas
Segundo informações da Agência Senado, a previsão é que o novo concurso disponibilize 180 vagas, incluindo formação de cadastro de reserva. A diretoria-geral do Senado estima que entre 300 a 400 servidores terão se aposentado até o fim deste ano. No último concurso, foram disponibilizadas 70 chances para analista e técnico legislativo em diversas áreas. À época, o exame foi composto por 80 perguntas objetivas para graduados e 70 para nível médio, além de questões discursivas nos dois casos. Foram cobradas disciplinas como língua portuguesa, inglês, espanhol, noções de informática, conhecimentos gerais e específicos.
CORREIOBRAZILIENSE

Vaticano desmente rumores de que o Papa pretende deixar o cargo

O Vaticano comentou neste domingo (25/9) os boatos levantados por um jornal italiano, segundo os quais o Papa Bento XVI pretenderia deixar o cargo quando fizesse 85 anos, em abril do ano que vem. "O Papa está bem. Está fazendo uma viagem muito intensa e, do ponto de vista da saúde, esta viagem é um verdadeiro êxito", declarou à imprensa o padre Federico Lombardi, porta-voz do Vaticano.

Pela manhã, o jornal conservador Libero afirmou que Joseph Ratzinger "teme não poder assumir o peso de sua carga". "Ele pensa em demitir-se em abril, mas tem que aguentar", afirmou o jornal milanês, que não fornece fontes ou dá detalhes, dizendo apenas tratar-se de um boato que "circula nos escritórios mais importantes do Vaticano".

O padre Lombardi indicou não ter conhecimento dessa informação. "O que todos sabemos é que o Papa escreveu em seu livro 'Luz do mundo'. Não tenho mais informações", acrescentou.

Nesse livro de entrevistas publicado em 2010, Bento XVI disse que um Papa tem "o direito, segundo as circunstâncias, o dever de retirar-se se perder suas forças físicas, psicológicas e espirituais".
CORREIOWEB

sábado, 24 de setembro de 2011

Confira dicas para evitar problemas intestinais

O problema intestinal mais comum, especialmente entre adultos, é a chamada Síndrome do Intestino Irritável - também chamada cólon irritável. A doença caracteriza-se de uma desordem intestinal caracterizada pelo desconforto abdominal recorrente e por uma função intestinal anormal. O desconforto frequentemente se inicia após a alimentação e desaparece após uma evacuação intestinal. Os sintomas podem incluir cólicas, constipação, diarreia e uma sensação de esvaziamento incompleto.

O problema é que, embora, muitas vezes, tentemos conviver com esses problemas como se eles fizessem parte da vida, o bom funcionamento do intestino é fundamental para a saúde, pois é no intestino que assimilamos os nutrientes necessários à manutenção das funções vitais do organismo, e também por onde eliminamos as toxinas.

Veja como garantir o bom funcionamento de seu intestino:

Consuma sempre muitas fibras, que estão presentes nas verduras, saladas, cereais e frutas, e que facilitam a digestão.

Vá ao banheiro sempre que tiver vontade, para não manter toxinas circulando pelo corpo, e para não forçar a musculatura da região.

Beba muita água, para facilitar a digestão e a liberação de toxinas.

Alimente-se em horários regulares, mas nunca exagere na quantidade de comida.

Consulte um médico sempre que perceber alguma desordem no funcionamento de seu intestino.

Saúde Plena

ELA NO MAIS QUE PERFEITO

Ela escrevera como se pintara uma tela!
Ela pintara como se ouvira uma melodia!
Ela ouvira como se imaginara a primavera!
Ela imaginara como se raiara o sol do dia!
Ela raiara como se abraçara uma estrela!
Ela abraçara como se afagara uma família!
Ela afagara como se acolhera uma espera!
Ela acolhera como se escolhera uma poesia!

Gilberto Costa

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Projeto prevê cobertura de telefonia em rodovias

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 973/11, do deputado Romero Rodrigues (PSDB-PB), que obriga as operadoras de telefonia a oferecer cobertura nas rodovias. Pelo texto, no caso de telefone fixo, deverá haver um aparelho a cada cinco quilômetros. Em caso de serviço móvel, deve haver sinal suficiente para atendimentos de emergência em toda a extensão da rodovia.

Conforme a proposta, as operadoras deverão instalar placas informativas sobre o serviço com no máximo quatro metros quadrados de superfície, informando os números do serviço de saúde mais próximo e da Polícia Rodoviária.

Romero Rodrigues afirma que “um sistema de telefonia eficiente tornará mais ágeis os serviços de socorro médico e mecânico, além de contribuir com a eficiência policial”.

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; de Viação e Transportes; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
Agência Câmara

Vaca quase causa uma tragédia com avião de Paula Fernandes em Patos

Por pouco uma vaca que estava empacada na cabeceira da pista do Aeródromo Brigadeiro Firmino Ayres em Patos não causou uma tragédia a cantora Paula Fernandes e sua equipe de produção que realizaram pouso em Patos na noite desta quinta-feira(22). Era por volta das 19h15, quando o avião - modelo learjet, que trazia a cantora e sua produção para cidade de Caicó-RN onde faz show nesta noite, pousava na pista do Brigadeiro com ponto de apoio para cantora seguir viagem.

Ao realizar os procedimentos padrões para o pouco, o piloto do jato, teve dificuldades para realizar o pouso por conta de uma vaca que se encontrava na cabeceira da pista. O piloto ao descer do avião se dirigiu logo aos policiais militares que fazem a segurança do local para reclamar da presença do animal.

Os policiais disseram que a presença dos animais no local é constante e que ele não estranhasse. O piloto alertou os policiais para o risco que o animal estava causando e relatou a tensão e o medo na hora do pouso temendo acontecer uma tragédia.

O piloto teria dito que um avião do porte LearJet não pode ser comparado a um avião comum, até mesmo pela velocidade que ele desenvolve. O piloto disse que por sorte o animal não correu para o meio da pista, o que teria sido trágico, já que a escuridão toma de conta do local.

A equipe de produção também demonstrou a sua preocupação e indignação com o fato, a ponto de mudar o horário do voo de volta da cantora para as primeiras da manhã desta sexta-feira por medidas de segurança e não mais quando acabar o show em Caicó.

O repórter da Rádio 102 FM, Fabio Diniz, estava por acaso no local realizando a produção de outra matéria quando presenciou toda a discussão. O repórter revelou que tentou conversar com a cantora, mas foi impedido pela produção que disse que ela só daria entrevista no camarim após o show em Caicó.

Fábio disse que a produção se comportou de forma mal educada a ponto de receber a reclamação do repórter. "Não souberam tratar a imprensa patoense. E reclamei da forma como fui tratado. Mal educados. A cantora não".

O repórter ainda tentou convencer a cantora ao sair do avião, mas Paula teria se mostrado indisposta a ideia. Segundo Fábio, Paula foi bastante educada com a equipe de reportagem da 102 FM, mas disse que seguia orientação da produção e só daria entrevista no camarim.

Os policiais presentes estavam câmeras digitais e ainda tentaram tietar a cantora pedindo a retirada de algumas fotos ao lado da artista, mas logo foram reprovados e impedidos pela produção.

A cantora seguiu viagem de carro até Caicó e o piloto, segundo informações, foi descansar em um hotel da cidade.

Quanto a vaca, ninguém sabe ninguém viu mais. Não se sabe quem teria colocado o animal no aeródromo.

DER se defende e diz que trabalhos de reparos estão sendo feitos

Procurado pela reportagem, o chefe residente do DER Patos, responsável pela manutenção do aeródromo, Madiel Conserva, disse que de fato o local ainda apresenta alguns problemas e que iria apurar o incidente envolvendo a cantora.

Madiel disse que o DER vem fazendo constantes serviços no local na tentativa de melhorar, mas não admitiu a presença de animais no local, apesar de garantir que vai verificar como o animal entrou no aeródromo.

Ele ressaltou que o DER iniciou esta semana o serviço de roço no acesso da BR-230 até o Aeródromo de Patos, com 5 metros para cada lado. Bem como a pintura de toda a banqueta do acesso da BR-230 até o Aeródromo de Patos.

Outra medida faz parte da operação Tapa Buraco, "tendo em vista que já realizamos uma primeira operação, mas este ano houve praticamente três invernos e já tem novos buracos no acesso da BR até o Aeródromo.

Madiel Conserva ainda informou que o aeródromo de Patos, Brigadeiro Firmino Aires. recebeu recentemente lâmpadas para suprir a necessidade de iluminação da pista de 1.600 metros.

O problema foi verificado pela falta de iluminação, importante para os voos noturnos. Madiel informou que das 20 lâmpadas necessárias para fazer a iluminação, 12 foram colocadas de imediato.

Ele admitiu também a falta de pano da biruta, equipamento que orienta a direção dos ventos.

Abaixo relação de quantidade e tipo reivindicada para o aeródromo de Patos, que vem recebendo serviços de roço de até cinco metros das bordas da pista.

Cumprimento da pista: 1.600m - Lâmpadas de borda da pista de pouso e decolagem. Lâmpadas de cabeceira e pista de rolamento área de giro. Lâmpadas para luz de obstáculo 02ud 100W / 220v. Quantidade: 55 und. de 30W/6,6A ( 42 und. Globo amarelo claro e 13 globo claro ).Quantidade: 46 und. de 45W/6,6A ( 30 und. globo azul e 16 und. globo verde/vermelho ). Farol rotativo: 02 und lâmpadas 500W/24V.


Hora Exata

Presos aproveitam delegacia vazia, quebram parede e fogem na Paraíba

Três suspeitos de furto fugiram de uma delegacia no município de Solânea, no Agreste paraibano, na noite da quinta-feira (22). De acordo com o delegado Diógenes da Rocha Fernandes, o trio aproveitou um momento que não havia nenhum policial na delegacia para quebrar a parede e sair sem ser notado. A ação durou cerca de 30 minutos, tempo que o único agente que estava de plantão saiu da delegacia para jantar.
Segundo o delegado, a perícia esteve no local e afirmou que os supeitos não utilizaram nenhum tipo de ferramenta para quebrar a parede da cela. "O perito disse que, como a estruta da delegacia já estava precária, eles conseguiram quebrar com a própria força física. Provavelmente dando chutes", disse o delegado.
O agente Xavier explicou que a fuga aconteceu por volta das 22h. De acordo com ele, dois dos suspeitos, sendo um com 22 e outro com 18 anos, praticavam furtos na cidade usando uma motocicleta. Eles fugiram em direção ao município de Bananeiras. Já o preso de 24 anos foi capturado na manhã desta sexta-feira (23).
Presídio desativado
O delegado explicou que a cadeia pública de Solânea está desativada e os suspeitos estão sendo encaminhados para a delegacia, que segundo ele não tem estrutura e nem contigente para abrigar os detentos. "Infelizmente a cadeia foi desativada e esses presos ficam aguardando na delegacia até que o juiz encontre uma vaga em cadeias de cidades vizinhas", disse Diógenes da Rocha.
Segundo o delegado, normalmente os presos são encaminhados para a cadeia do município de Guarabira. Um dos detentos estava na delegacia desde o domingo (18) e outro desde segunda-feira (19). "O correto era que o juiz encaminhasse em menos de 24 horas para uma cadeia ".

Três suspeitos de furto fugiram de uma delegacia no município de Solânea, no Agreste paraibano, na noite da quinta-feira (22). De acordo com o delegado Diógenes da Rocha Fernandes, o trio aproveitou um momento que não havia nenhum policial na delegacia para quebrar a parede e sair sem ser notado. A ação durou cerca de 30 minutos, tempo que o único agente que estava de plantão saiu da delegacia para jantar.
Segundo o delegado, a perícia esteve no local e afirmou que os supeitos não utilizaram nenhum tipo de ferramenta para quebrar a parede da cela. "O perito disse que, como a estruta da delegacia já estava precária, eles conseguiram quebrar com a própria força física. Provavelmente dando chutes", disse o delegado.
O agente Xavier explicou que a fuga aconteceu por volta das 22h. De acordo com ele, dois dos suspeitos, sendo um com 22 e outro com 18 anos, praticavam furtos na cidade usando uma motocicleta. Eles fugiram em direção ao município de Bananeiras. Já o preso de 24 anos foi capturado na manhã desta sexta-feira (23).
Presídio desativado
O delegado explicou que a cadeia pública de Solânea está desativada e os suspeitos estão sendo encaminhados para a delegacia, que segundo ele não tem estrutura e nem contigente para abrigar os detentos. "Infelizmente a cadeia foi desativada e esses presos ficam aguardando na delegacia até que o juiz encontre uma vaga em cadeias de cidades vizinhas", disse Diógenes da Rocha.
Segundo o delegado, normalmente os presos são encaminhados para a cadeia do município de Guarabira. Um dos detentos estava na delegacia desde o domingo (18) e outro desde segunda-feira (19). "O correto era que o juiz encaminhasse em menos de 24 horas para uma cadeia ".

Três suspeitos de furto fugiram de uma delegacia no município de Solânea, no Agreste paraibano, na noite da quinta-feira (22). De acordo com o delegado Diógenes da Rocha Fernandes, o trio aproveitou um momento que não havia nenhum policial na delegacia para quebrar a parede e sair sem ser notado. A ação durou cerca de 30 minutos, tempo que o único agente que estava de plantão saiu da delegacia para jantar.
Segundo o delegado, a perícia esteve no local e afirmou que os supeitos não utilizaram nenhum tipo de ferramenta para quebrar a parede da cela. "O perito disse que, como a estruta da delegacia já estava precária, eles conseguiram quebrar com a própria força física. Provavelmente dando chutes", disse o delegado.
O agente Xavier explicou que a fuga aconteceu por volta das 22h. De acordo com ele, dois dos suspeitos, sendo um com 22 e outro com 18 anos, praticavam furtos na cidade usando uma motocicleta. Eles fugiram em direção ao município de Bananeiras. Já o preso de 24 anos foi capturado na manhã desta sexta-feira (23).
Presídio desativado
O delegado explicou que a cadeia pública de Solânea está desativada e os suspeitos estão sendo encaminhados para a delegacia, que segundo ele não tem estrutura e nem contigente para abrigar os detentos. "Infelizmente a cadeia foi desativada e esses presos ficam aguardando na delegacia até que o juiz encontre uma vaga em cadeias de cidades vizinhas", disse Diógenes da Rocha.
Segundo o delegado, normalmente os presos são encaminhados para a cadeia do município de Guarabira. Um dos detentos estava na delegacia desde o domingo (18) e outro desde segunda-feira (19). "O correto era que o juiz encaminhasse em menos de 24 horas para uma cadeia ".

Três suspeitos de furto fugiram de uma delegacia no município de Solânea, no Agreste paraibano, na noite da quinta-feira (22). De acordo com o delegado Diógenes da Rocha Fernandes, o trio aproveitou um momento que não havia nenhum policial na delegacia para quebrar a parede e sair sem ser notado. A ação durou cerca de 30 minutos, tempo que o único agente que estava de plantão saiu da delegacia para jantar.
Segundo o delegado, a perícia esteve no local e afirmou que os supeitos não utilizaram nenhum tipo de ferramenta para quebrar a parede da cela. "O perito disse que, como a estruta da delegacia já estava precária, eles conseguiram quebrar com a própria força física. Provavelmente dando chutes", disse o delegado.
O agente Xavier explicou que a fuga aconteceu por volta das 22h. De acordo com ele, dois dos suspeitos, sendo um com 22 e outro com 18 anos, praticavam furtos na cidade usando uma motocicleta. Eles fugiram em direção ao município de Bananeiras. Já o preso de 24 anos foi capturado na manhã desta sexta-feira (23).
Presídio desativado
O delegado explicou que a cadeia pública de Solânea está desativada e os suspeitos estão sendo encaminhados para a delegacia, que segundo ele não tem estrutura e nem contigente para abrigar os detentos. "Infelizmente a cadeia foi desativada e esses presos ficam aguardando na delegacia até que o juiz encontre uma vaga em cadeias de cidades vizinhas", disse Diógenes da Rocha.
Segundo o delegado, normalmente os presos são encaminhados para a cadeia do município de Guarabira. Um dos detentos estava na delegacia desde o domingo (18) e outro desde segunda-feira (19). "O correto era que o juiz encaminhasse em menos de 24 horas para uma cadeia ".

Três suspeitos de furto fugiram de uma delegacia no município de Solânea, no Agreste paraibano, na noite da quinta-feira (22). De acordo com o delegado Diógenes da Rocha Fernandes, o trio aproveitou um momento que não havia nenhum policial na delegacia para quebrar a parede e sair sem ser notado. A ação durou cerca de 30 minutos, tempo que o único agente que estava de plantão saiu da delegacia para jantar.
Segundo o delegado, a perícia esteve no local e afirmou que os supeitos não utilizaram nenhum tipo de ferramenta para quebrar a parede da cela. "O perito disse que, como a estruta da delegacia já estava precária, eles conseguiram quebrar com a própria força física. Provavelmente dando chutes", disse o delegado.
O agente Xavier explicou que a fuga aconteceu por volta das 22h. De acordo com ele, dois dos suspeitos, sendo um com 22 e outro com 18 anos, praticavam furtos na cidade usando uma motocicleta. Eles fugiram em direção ao município de Bananeiras. Já o preso de 24 anos foi capturado na manhã desta sexta-feira (23).
Presídio desativado
O delegado explicou que a cadeia pública de Solânea está desativada e os suspeitos estão sendo encaminhados para a delegacia, que segundo ele não tem estrutura e nem contigente para abrigar os detentos. "Infelizmente a cadeia foi desativada e esses presos ficam aguardando na delegacia até que o juiz encontre uma vaga em cadeias de cidades vizinhas", disse Diógenes da Rocha.
Segundo o delegado, normalmente os presos são encaminhados para a cadeia do município de Guarabira. Um dos detentos estava na delegacia desde o domingo (18) e outro desde segunda-feira (19). "O correto era que o juiz encaminhasse em menos de 24 horas para uma cadeia ".
Do G1 PB

Dezesseis mil servidores podem paralisar atividades no RN

O Rio Grande do Norte está prestes a passar por uma greve geral. Cerca de 16 mil servidores da administração estadual ameaçam entrar em greve no próximo dia 4 de outubro alegando o não cumprimento do acordo de parcelamento do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) por parte do governo. De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta (Sinai), Santino Arruda, o acordo previa o pagamento da primeira parcela do valor remanescente do PCCS na folha de pagamento de setembro, mas o governo sinalizou que o pagamento não será realizado por conta da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O secretário de Administração, Anselmo Carvalho, rebateu a informação e afirmou que as negociações com todas as categorias aconteceram com o condicionante do cumprimento da LRF.

Santino Arruda explica que no dia 8 de julho o chefe do Gabinete Civil, Paulo de Tarso, assinou um ofício (nº 1565/2011) que diz expressamente que "quanto à implantação dos diversos planos, o governo tomará tal providência de setembro a dezembro próximo em parcelas iguais". No entanto, no início da semana o governo do estado teria sinalizado que não seria possível efetuar o pagamento da primeira parcela do PCCS para não descumprir a LRF. "Nós temos um documento assinado pelo chefe do Gabinete Civil e agora eles dizem que o pagamento só será efetuado quando o estado saísse das dificuldades em relação à LRF. Ou seja, eles não estão cumprindo o que ficou acordado em documento oficial", afirmou Santino.

O secretário de Administração, por sua vez, não confirmou a informação de que foi feito um acordo para pagamento do PCCS a partir de setembro e informou que todo o contexto das negociações aconteceu em torno do cumprimento da LRF. "Eles se baseiam em um ofício que fixava o pagamento a partir de setembro, mas esquecem que todas as negociações aconteceram em torno do cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal. Até porque a lei que implantou o PCCS condicionava o seu cumprimento àLRF. Então não podemos fazer uma negociação à margem do que está na lei. Tudo isso foi exposto e dito nas negociações e o que está escrito neste ofício é nesse contexto. Cumprir o plano é cumprir a integralidade do plano, inclusive esse requisito do cumprimento da LRF", afirmou Anselmo Carvalho.

Diante do impasse, servidores da Fundação José Augusto, Detran, DER, Emater, Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN (Idiarn), Junta Comercial, Idema, Ceasa, Emparn, além de servidores técnicos da educação, tributação e policiais civis ameaçam deflagrar uma greve geral no primeiro dia útil de outubro. Com a possível paralisação dos servidores das escolas estaduais as aulas devem ser prejudicadas mais uma vez.
Diário de Natal

Começa nesta sexta a maratona do Rock in Rio

Não dá para negar o apelo da grife Rock in Rio. O festival de números superlativos e grandes estrelas do pop e do rock começa hoje mais uma edição. Desta vez, de volta ao Rio de Janeiro e com sete dias de programação. Os ingressos estão esgotados há meses. A projetista Tatiane Valença, de 25 anos, queria chegar na Cidade do Rock hoje - mas vai ter que esperar até o dia 01 de outubro, quando vai conferir o show do Coldplay. “Quando fui comprar, os ingressos já tinham acabado. Mas vou mais pelo festival em si do que pelo show de uma única banda”, diz. “Meus pais e minha avó foram para o Rock in Rio em 1985. Foram todos os dias, viram shows inesquecíveis como o do Queen e do Guns N’Roses. Quero conhecer esse festival”, conta.

Nessa edição, a experiência do festival se aproxima a de um parque de diversões musical. Aos quatro espaços para shows - dois palcos, uma rua cenográfia e uma tenda eletrônica - se somam um roda gigante de 28 metros com vista panorâmica da multidão e uma tirolesa em frente ao palco principal. Na parte musical, a programação do Rock in Rio pode parecer meio esquizofrênica, como costuma acontecer em eventos tão grandiosos. Hoje, por exemplo, Elton John toca antes de Rihanna, no Palco Mundo: perfis musicais e de público bem distintos. Shakira, Katy Perry, Red Hot Chili Peppers, Metallica, Stevie Wonder e Maroon 5 são outras estrelas do heterogêno festival. Guns N’Roses, quase uma banda símbolo do Rock in Rio, fecha a programação no dia 02 de outubro.

No meio de tantos shows - mais de cem, nesta edição - quem não está a fim do festival em si, mas sim de apenas ver determinado artista, pode acabar se frustrando. Foi o que aconteceu com o jornalista Guilherme Gatis, DJ da festa Superingosto, que foi ao Rock in Rio 2001. “Eu queria muito ver o R.E.M., Beck e o Foo Fighters. Ainda fui ver o Oasis, mas eles foram sufocados pelos fãs do Guns N’Roses e do Papa Roach”, lembra. “Eu não me interessei nesse ano justamente pela experiência ruim com esse show do Oasis. Como é um festival gigantesco, algumas vezes um show que em outra situação poderia ser incrível acaba ficando meio deslocado. Com o Beck também foi assim, as pessoas estavam totalmente alheias a músicas muito boas”, conta. O Rock in Rio chega, enfim, com promessas de diversão em alto e bom som. Mas, em troca, pede muita disposição e desprendimento.

Palco mundo

Programação principal do Rock in Rio

Sexta-feira (23)
Os Paralamas do Sucesso, com participação de Milton Nascimento, Maria Gadú e a Orquestra Sinfônica Brasileira
Claudia Leitte
Katy Perry
Rihanna
Elton John

Sábado (24)
NX Zero
Stone Sour
Capital Inicial
Snow Patrol
Red Hot Chili Peppers

Domingo (25)
Glória
Coheed and Cambria
Motörhead
Slipknot
Metallica

Quinta-feira (29)
Concerto Sinfônico Legião Urbana, com a Orquestra Sinfônica Brasileira
Janelle Monáe
Ke$ha
Jamiroquai
Stevie Wonder

Sexta-feira (30)
Marcelo D2
Jota Quest
Ivete Sangalo
Lenny Kravitz
Shakira

Sábado (1º/10)
Frejat
Skank
Maná
Maroon 5
Coldplay

Domingo (2/10)
Detonautas
Pitty
Evanescence
System of a down
Guns N’Roses

Saiba mais

Quem não vai ao Rio, pode acompanhar o festival pela TV e internet. A Globo e o Multishow exibirão shows ao vivo e os melhores momentos. O horário varia de acordo com a programação da rede. Entre os apresentadores, André Marques (foto).

Pela internet, o festival vai transmitir os shows ao vivo pelo portal Globo.com a partir das 14h40, com o Palco Sunset, e às 19h, com o Palco Mundo. Também há transmissão via YouTube: www.youtube.com/rockinrio.

A última edição do festival foi no ano passado, em Portugal, e atraiu 329 mil pessoas em cinco dias. Para os sete dias desse ano, a expectativa é de que mais de 600 mil pessoas passem pela Cidade do Rock.

Em suas nove edições, o Rock in Rio fez mais de 653 shows, que equivalem a 780 horas de música e 57 dias de festival. Mais de cinco milhões de pessoas assisitiram a alguma edição do Rock in Rio pessoalmente, e as transmissões dos shows tiveram quase um bilhão de espectadores em 80 países.
Diário de Pernambuco

Homens morrem quatro vezes mais no trânsito

Há dez anos o Brasil adere ao Dia Mundial sem Carro, movimento internacional que conclama a população a deixar os veículos em casa e refletir sobre comportamentos no trânsito e mobilidade urbana. Além do apelo para o uso de formas alternativas de transporte, o Ministério da Saúde alerta que apesar da redução de 2% das mortes no trânsito de 2009 em relação ao ano anterior, o número de mortes ainda preocupa.

De acordo com dados do Sistema de Informação de Mortalidade (SIM), 37.594brasileiros foram vítimas fatais no trânsito do país em 2009, com 679 mortes a menos que em 2008, quando foram registrados 38.273 óbitos. O levantamento do Ministério da Saúde aponta, ainda, que o número de homens que morrem no trânsito é quatro vezes maior do que o de mulheres. Em 2009, 30.631 homens (81,4%) e 6.496 mulheres (18,4%) perderam a vida no trânsito.

As principais vítimas são jovens de 20 a 39 anos, faixa etária de 45,5% (17.128) do total de óbitos em 2009. Desses, 86% (14.776) eram homens. "O homem é mais vulnerável porque está mais exposto, tanto pelo comportamento, em muitas situações, mais agressivo ao dirigir, quanto pela associação com fatores de risco, como o excesso de velocidade e associação entre álcool e direção", analisa Marta Silva, coordenadora de Vigilância e Prevenção de Violências e Acidentes do Ministério da Saúde. Dados da pesquisa Vigitel 2010, sobre indicadores de saúde do brasileiro, mostram que 3,0% dos homens entrevistados afirmaram ter dirigido após o consumo abusivo de bebida alcoólica, enquanto entre as mulheres esse percentual foi de 0,2%.

Marta acrescenta que, aliado ao consumo de bebidas alcoólicas e à alta velocidade, soma-se o aumento da frota, especialmente de motocicletas, meio de transporte utilizado por 9.268 dos 37.594 mil brasileiros que perderam a vida no trânsito em 2009, o que equivale a 24,6% do total de óbitos naquele ano.

Comparando 2009 com 2008 houve um aumento de 4% na mortalidade envolvendo motociclistas. No ano anterior, foram 8.898 vítimas. O Brasil registra uma frota motorizada de 66.116.077 de veículos, dos quais 57% são automóveis. As motos, motonetas e ciclomotores representam 26% da frota nacional, segundo dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), de março de 2011. Entre pedestres houve redução de 7% comparando os anos de 2008 com 2009.

No cenário mundial, o Brasil ocupa o quinto lugar entre os recordistas em mortes no trânsito, atrás da Índia, China, Estados Unidos e Rússia segundo o Informe Mundial sobre a Situação de Segurança no Trânsito, publicado em 2009. A estimativa da OMS é que, em todo o mundo, cerca de 1,3 milhões de pessoas perdem suas vidas anualmente no trânsito e cerca de 50 milhões sobrevivem feridas. O custo global é estimado em US$ 518 bilhões por ano; os custos dos acidentes de trânsito já foram estimados em 1% a 2% dos PIB dos países.

No Brasil, foram realizadas em 2010 146.060 internações de vítimas dos acidentes no trânsito financiadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), com um custo de aproximadamente R$ 187 milhões. Os homens representaram 78,3% das vítimas (114.285), enquanto as mulheres, 21,7%. Do total de vítimas, 69.606 estavam em motocicletas e provocaram um impacto de R$ 85,6 milhões no SUS.

No que se refere ao atendimento às vítimas de acidentes no trânsito, o Ministério da Saúde está reorganizando a rede de atenção às urgências do Sistema Único de Saúde, por meio do programa Saúde Toda Hora. Lançado julho deste ano, o programa tem por objetivo fortalecer a comunicação entre as centrais de regulação, as UPAs e a Unidade Básica de Saúde ou o hospital para tornar o atendimento ainda mais rápido e eficaz, reduzindo mortes ou sequelas ao paciente. Esse formato de funcionamento integrado entre várias unidades de promoção, prevenção e atendimento à saúde é uma das principais características da ação.

Em maio de 2011, os Ministérios das Cidades e da Saúde lançaram o Pacto Nacional pela Redução dos Acidentes no Trânsito - Pacto pela Vida. A meta é estabilizar e reduzir o número de mortes e lesões em acidentes de transporte terrestre nos próximos dez anos, como adesão ao Plano de Ação da Década de Segurança no Trânsito 2011-2020, uma recomendação da Organização das Nações Unidas (ONU) a partir da iniciativa da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O Plano é um conjunto de medidas para contribuir com a redução das taxas de mortalidade e lesões por acidentes de trânsito no país, através da implementação de ações de mobilidade urbana, fiscalização, educação, saúde, infraestrutura e segurança veicular, a curto, médio e longo prazos. "As intervenções no trânsito têm que ser trabalhadas com focos: na mudança de comportamento da população, de modo que todos os usuários do trânsito tenham comportamentos e atitudes mais seguras e saudáveis, assim como a implementação de políticas públicas voltadas para a mobilidade urbana e sustentável, na acessibilidade e na promoção de ambientes e entornos seguros e saudáveis", adianta Marta. As propostas estão sendo consoli! dadas.
Estado de Minas

Padre da paróquia de Santa Luzia/PB está desaparecido

O padre Jerônimo Leopodino de Medeiros Neto, natural de Santa Luzia/PB, está desaparecido desde ontem (21), por volta das 13h30. Ele desapareceu depois de visitar a casa de uma prima, naquele município.

Padre Jerônimo ainda foi visto por um motorista de Patos, no período da tarde, nas proximidades do posto de Dedé Jaime, caminhando na rodovia. Ele estava de havaianas, calça e camisa. Os familiares já informaram o caso à Polícia.
Amigos e familiares pedem que qualquer informação acerca do paradeiro do religioso seja comunicada à Cúria Diocesana através do telefone (83) 3421-2250.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Câmara rejeita novo tributo para financiar saúde

O Plenário aprovou nesta quarta-feira (21), por 355 votos a 76 e 4 abstenções, o destaque do DEM e retirou a base de cálculo da Contribuição Social para Saúde (CSS), tributo criado pelo Projeto de Lei Complementar 306/08.

O projeto regulamenta quais despesas podem ser consideradas de saúde para estados, municípios e União atingirem o percentual definido pela Emenda 29.

O texto base do projeto, aprovado em junho de 2008, é o de uma emenda do relator, deputado Pepe Vargas (PT-RS), pela Comissão de Finanças e Tributação. Devido às mudanças feitas pela Câmara, a matéria retorna ao Senado.

Audiência discute no próximo dia 6 implantação do Sistema Estadual de Bandas

A Assembleia Legislativa do RN realiza Audiência Pública no próximo dia 6 de outubro, às 14h, para tratar da implantação do Sistema Estadual de Bandas do RN - Seban. A meta é elencar diretrizes para nortear a adoção de políticas publica capazes de atender as bandas em atividades no Estado. O público alvo do evento são mestres, maestros, músicos, gestores e interessados no tema.


De acordo com o maestro Humberto "Bembem" Dantas da Banda de Cruzeta, são cerca de 10 mil pessoas diretamente envolvidas com os grupos musicais espalhados por municípios do RN. "É bom entendermos que esse não é um movimento de A nem de B, e sim de todos nós, que sabemos muito bem apontar os erros e injustiças pelos quais passamos", salienta Bembem. "Haveremos de somar todas as forças e todos os esforços, assim como os companheiros do Ceará conseguiram. Para isso é preciso união, fé e, acima de tudo, amor ao nosso trabalho", reforça.

"Historicamente, o orçamento do Governo do RN destinado às bandas é zero. Agora chegou a hora, contamos com a simpatia dos próprios gestores, então nada de mágoas, ressentimentos, acusações; mas ao mesmo tempo nada de omissão e descrédito", analisa o maestro. "Estou particularmente feliz e ansioso, pois creio que todos sabem da
minha convicção de melhoras para todos, mas sem luta não avançamos", conclui.

A referida Audiência Pública é uma iniciativa do deputado Estadual Fernando Mineiro.

Governo do estado vai abrir concurso público para 3.500 vagas

O Governo do Estado vai abrir concurso público, no mês de novembro, para 3.500 vagas de professores da rede de ensino em todo o Rio Grande do Norte. A comissão do concurso está tomando as providências para conclusão do processo administrativo de contratação da entidade responsável pelo concurso. A expectativa é que essa etapa seja concluída até o dia 12 de outubro.

O Edital deve ser publicado também no mês de outubro e o processo seletivo deve ser realizado até o dia 20 de novembro. Os prazos foram acordados em audiência com o juiz da 4ª Vara da Fazenda Pública, Cícero Martins de Macedo Filho, e com a promotora de justiça, Carla Campos Amico.
Os aprovados no concurso deverão ser nomeados até o início do ano letivo de 2012. Serão ofertadas 2.900 vagas para professores e 600 para pedagogos. A oferta contempla todos os componentes curriculares: Biologia, Ciências, Arte, Educação Física, Física, Geografia, História, Língua Inglesa, Matemática, Língua Portuguesa, Língua Espanhola, Química, Filosofia e Sociologia. A oferta também contempla vagas para professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental.

"Com a realização do concurso, o Governo está atendendo a uma antiga reivindicação da categoria e agindo para cobrir o déficit de professores em sala de aula nas escolas estaduais. Estamos também, com isso, dando mais qualidade ao ensino em nossas escolas", afirma a secretária de Estado da Educação, Betânia Ramalho.

Considerando a dinâmica na rede estadual de ensino, que conta com 710 escolas, quase 20 mil professores e 310 mil alunos, as vagas disponibilizadas pelo novo concurso devem cobrir o déficit de educadores em sala de aula.
DN online

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Santa Luzia PB poderá fazer parte da região metropolitana de Patos

A deputada Estadual Francisca Motta (PMDB), apresentou na última quarta-feira, 14 de setembro, um Projeto de Lei Complementar que institui a Região Metropolitana de Patos.

Composto por sete artigos, o Projeto de Lei Complementar Nº 11/2011, estabelece que a Região Metropolitana de Patos seja constituída pelos Municípios de Patos, Quixaba, Passagem, Areia de Baraúnas, Salgadinho, Junco do Seridó, Santa Luzia, São José do Sabugi, Várzea, São Mamede, Cacimba de Areia, Cacimbas, Desterro, Teixeira, São José do Bonfim, Matureia, Mãe D’ Água, Santa Terezinha, Catingueira, Emas, Malta, Condado, São José de Espinharas e Vista Serrana.

“Estamos falando de uma população de mais de 220 mil habitantes, compreendidos nesses vinte e quatro Municípios, que podem se beneficiar com excelentes oportunidades para investimentos em diversas áreas da economia”, destacou a deputada Francisca Motta.

De acordo com o projeto, na medida em que for criada a Região Metropolitana de Patos, deverá ser criado também um Conselho Deliberativo e um Conselho Consultivo. O primeiro deverá ser constituído de cinco membros de reconhecida capacidade técnica ou administrativa, nomeados pelo governador do Estado, sendo um deles da cidade de Patos, e os demais membros, escolhidos mediante indicação dos Municípios integrantes. Já o Conselho Consultivo deverá ser composto de um representante de cada Município integrante da região metropolitana, sob a direção do Presidente do Conselho Deliberativo.

Segundo a deputada, onde regiões metropolitanas foram institucionalizadas, houve melhorias na execução de serviços comuns aos municípios envolvidos, a exemplo de transporte público, saúde, meio ambiente e outras políticas públicas.

“A institucionalização da Região Metropolitana de Patos proporcionará a oportunidade dos Municípios pensarem de forma integrada as suas vocações para o desenvolvimento econômico e social conjunto. Além disso, os mesmos tenderão a buscar soluções para os problemas de suas competências, sob o modelo cooperativo e consorciativo, onde as necessidades e capacidades tenderão a se ajustar”, acrescentou a deputada Francisca Motta.

De acordo com o projeto, é de interesse metropolitano o planejamento integrado do desenvolvimento econômico e social, o saneamento básico notadamente abastecido de água e rede de esgotos e serviço de limpeza pública, o uso do solo metropolitano, transportes e sistema viário, a produção e distribuição de gás combustível canalizado, o aproveitamento dos recursos hídricos e controle da poluição ambiental, na forma que dispuser a lei federal, além do planejamento dos serviços de saúde, educação, segurança pública metropolitana e meio ambiente das cidades envolvidas.

O Projeto de Lei Complementar, que entra em vigor a partir da sua data de publicação, estabelece ainda que o Estado seja responsável pela manutenção dos Conselhos Deliberativo e Consultivo, através de recursos próprios. Além disso, os Municípios da região metropolitana, que participarem da execução do planejamento integrado e dos serviços comuns, terão preferência na obtenção de recursos federais e estaduais, inclusive sob a forma de financiamentos, bem como de garantias para empréstimos.

Fonte: São Mamede 1